Coxinha é paixão nacional. Crocante, com recheio de frango com ou sem catupiry, empanada, pequenas, médias ou grandes, não importa. Qualquer festa que não tenha coxinha não pode ser considerada uma festa a sério. Mas como tudo no Brasil, existem agora variações do que já era perfeito: as coxinhas coloridas.

Em Boa Vista (RR), uma empresária está investindo na versão que tem feito sucesso. Mariana Mendes, de 25 anos, é proprietária de uma brigadeira e bar na capital, e decidiu inovar para chamar a atenção dos clientes, segundo o ‘G1’.

“Pensei em uma nova maneira de identificar, porque a massa de todas as coxinhas é igual, independente do sabor. A princípio pensei em colocar bandeirinhas para discernir, mas era muito comum. Então pensei: ‘por que não colorir? Daí deu muito certo'”, conta a empresária.

Mariana optou por corantes naturais, uma vez que os artificiais fazem mal à saúde. Após muitos testes, a empresária chegou à receita perfeita, com uso de cenoura, beterraba, repolho, espinafre e outros produtos naturais, que dão cor às coxinhas, mas sem deixar gosto. “Não há quem não goste de coxinha”, completa.

Os recheios variam entre camarão, carne de sol, queijo e presunto e frango com catupiry. Cada unidade da coxinha custa R$ 1,50 e ela atualmente vende cerca de 150 por dia.

Fonte: Notícias ao Minuto

Like
Like Love Haha Wow Sad Angry