Uma moça que adora junk food uma vez me perguntou “que tipo de porcaria um vegano come?”, insinuando que comida de origem vegetal é sempre saudável. Bem, a resposta mais rápida que me veio na cabeça foi BATATA FRITA! É uma gulodice que une todo mundo, é a opção de bar para veganos compartilharem com os amigos comedores da carne.

Que fique claro: nem todo vegano é fit. Mas, a partir do momento que mudamos a alimentação, as escolhas se tornam mais conscientes. Por isso aprendemos que, infelizmente, não dá pra viver só de batata frita. Para matar a larica sem “jacar”, criei essa versão com talo de couve-flor e o resultado foi uma saborosa surpresa.

As fritas de couve-flor são empanadas com farinha de amêndoas e fritas em óleo de coco, o que significa que também são low carb e sem glúten. Como são veganas, não contém ovos ou lactose.

Se quiser acompanhar mais receitas veganas criativas, siga o perfil do À Base de Planta no Instagram.

Para fazer as fritas de couve-flor, você vai precisar de:

– 1 couve-flor
– 2 xícaras de farinha de amêndoas
– 2 xícaras de água filtrada
– Óleo de coco para fritar
– Sal e pimenta do reino à gosto

Passo a passo:

Para essa receita, vamos aproveitar somente o talo da couve-flor. Então, corte os floretes e os reserve para outra preparação, como a maionese vegana ou a pizza de couve-flor.

Refilei os talos em tirinhas retangulares, como na foto, mas isso é pura frescura para deixar mais bonitinho! Corte como preferir.

Cortei os talos da couve-flor em retângulos

 Crédito: Julia Guglielmetti/@abasedeplantaCortei os talos da couve-flor em retângulos

 

Cozinhe os talos de couve-flor brevemente no vapor, deixando al dente. Quando estiver cozido, passe na água fria para cortar o cozimento. Depois, coloque uma xícara de farinha de amêndoas em um prato e a outra xícara em outro prato. Em um deles, acrescente água filtrada aos poucos, até atingir uma consistência líquida espessa. Tempere essa mistura a gosto.

Passe os talos de couve-flor pela mistura líquida, até cobrir toda sua superfície. Caso a mistura esteja muito grossa, acrescente mais água. E se a mistura estiver muito líquida e sem aderência, acrescente mais farinha de amêndoas. O ideal é que farinha grude e cubra os talos completamente.

Em seguida, passe os talos de couve-flor no outro prato com farinha de amêndoas, até que estejam totalmente cobertos.

Fritas de couve-flor com maionese vegana, também de couve-flor

 Crédito: Julia Guglielmetti/@abasedeplantaFritas de couve-flor com maionese vegana, também de couve-flor

Agora, cubra o fundo de uma frigideira com óleo de coco bem quente e frite os talos de couve-flor empanados. Assim que dourarem de um lado, vire. Retire do fogo quando estiver todo dourado. Disponha em um papel toalha, para absorver o excesso de óleo. Ainda quente, tempere com sal.

Para acompanhar, eu fiz uma maionese vegana com os floretes que sobraram da couve-flor e acrescentei ervas e muita pimenta. A receita você encontra no Instagram do À Base de Planta.

Fonte: Catraca Livre

Like
Like Love Haha Wow Sad Angry

Comentários

comentários